Páginas

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Estudo afirma que, para mulheres, ser magra é melhor do que ter um relacionamento feliz



Encontrar o homem perfeito? Isso é secundário, de acordo com o Dr. Pam Spurr, o psiquiatra responsável por um estudo de 24 anos que concluiu recentemente que as mulheres têm que estar de bem com a balança para serem felizes.

"Eu tenho trabalhado com muitas mulheres acima do peso e essa questão sempre está em suas mentes", disse o médico. "Pessoas obesas são estigmatizadas pelas outras pessoas como burras, preguiçosas ou desleixadas - nós vivemos numa sociedade que está constantemente valorizando a forma e o peso", completou.

De acordo com o estudo, as mulheres ficam mais infelizes quando estão gordinhas do que quando estão solteiras - por outro lado, quando conseguem emagrecer, ficam mais satisfeitas do que costumam ficar quando sua vida amorosa vai bem. Realizado na Alemanha, entre 1984 e 2008, a pesquisa coletou dados de centenas de alemãs.


Fonte: Virgula

5 comentários:

  1. As mulheres a dada dia que passa estão mais descrentes da possibilidade de ter um relacionamento feliz e duradouro ao passo que ficar agro é algo dependente delas o relacionamento feliz depende do outro.

    Ps: obrigado pela participação no me blog.
    http://novolink.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Concordo em partes.
    Não são todas as mulheres que pensam assim, tem mulheres que se preocupam mais com o relacionamento do que com o seu peso, e aquelas que se aceitam e vivem felizes do jeito que são, magras de mais ou gordinha, enfim...
    A sociedade prega muitos defeitos e preconceitos hoje em dia, tudo que se é feito ou falado pode ser usado contra si mesmo.
    Moral da historia, se isso não mudar estamos ferrados!

    http://falando-peloscotovelos.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Muito bom!!!

    Estou te seguindo, aguardo retribuição!

    ^^

    http://gibitecalomania.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. É interessante
    mulher pensa muito na beleza
    afinal ela facilita realmente, em várias ocasiões
    um bom artigo para refletir no que é realmente importante na vida

    ResponderExcluir